você está em: Início

Destaque central (secção central)

Resultados do inquérito sobre a criação de grupos

Quinta, 22 Janeiro 2015 22:24

A Direção da SUPERA propôs a criação de Grupos de Interesse e Grupos Profissionais.

Através do inquérito disponibilizado até ao passado dia 15 de janeiro que possibilitou reunir a opinião dos sócios relativamente a esta iniciativa, passamos a apresentar os resultados do preenchimento do formulário:

Total de sócios - 135

Total de respostas - 58

Respostas inválidas (por repetição) - 2

Respostas inválidas (não sócios) - 4

GruposCriaçãoParticipação
GER – Grupo Português de Engenharia de Reabilitação 53 37
GID – Grupo de Investigadores e Docentes 41 19
GPS – Grupo dos Profissionais de Saúde 37 13
GPE – Grupo de Profissionais de Empresas de Tecn. Apoio e Acessibilidade 53 33
GUIA – Grupo Português pelas Iniciativas em Acessibilidade 47 43
GISTA – Grupo de Interesse em Serviços de Tecnologias de Apoio 49 39

Pretende-se que a criação dos Grupos e respetiva Coordenação esteja concluída até ao início de fevereiro.

Para a escolha dos membros da Coordenação, serão consultados os interessados em participar em cada grupo com o objetivo de saber qual a sua disponibilidade para assumir os cargos. Após a manifestação de interesse e disponibilidade, a Direção da SUPERA decidirá o Coordenador de cada grupo que, à posteriori, será acompanhado por um Vice-Coordenador.

 

Caracterização dos sócios da SUPERA

Quinta, 22 Janeiro 2015 20:50

A Direção da SUPERA congratula-se de,durante o presente mandato, ter praticamente, duplicado o número de associados, contando atualmente com 135 sócios.

Com os dados obtidos através da sua inscrição, procedeu-se à caracterização dos sócios da SUPERA, que passamos a divulgar:

  • Dos 135 sócios, 121 são sócios efetivos e 14 sócios estudantes;
  • 66 sócios são do sexo masculino e 69 são do sexo feminino;
  • Quanto à formação de base dos sócios efetivos:
Formação de Base dos Sócios Efetivos da SUPERANúmeroPercentagem
Engenharia 80 66%
Arquitetura 4 3%
Medicina 3 2%
TDT (Terapeutas TO, TF e Orto) 5 4%
Educação Especial 4 3%
Outras 25 21%
  •  Entre os 121 sócios efetivos existem 23 docentes de 14 Instituições de Ensino Superior (IES):
IESNº de Docentes
CESPU 1
IESP PB (Brasil) 1
IP Beja 3
IP Guarda 1
IP Leiria 2
IP Porto 1
IP Setúbal 3
IP Tomar 1
U Católica 2
U Minho 2
U Aveiro 1
U Coimbra 1
U Lisboa 1
UTAD 3
  •  E estão associados profissionais de 13 empresas de Tecnologias de Apoio e Acessibilidade:
    • AC CAT;
    • Adapteb;
    • ANDITEC;
    • Ataraxia;
    • Boavista Solutions;
    • Fundação PT;
    • i9AT;
    • MagicKey;
    • Mobilitec;
    • REHApoint;
    • SERTEC;
    • SigmaRemate;
    • Vida sem Barreiras.
 

Debate: "O futuro da formação em Engenharia de Reabilitação em Portugal" - INR, Lisboa, 7 de Janeiro de 2015

Segunda, 29 Dezembro 2014 16:10

Banner do Debate: "O futuro da formação em Engenharia de Reabilitação em Portugal"

Em Portugal, a UTAD tem estado a marcar a primeira década de formação académica nesta área ao nível da Licenciatura e Mestrado, mas as dificuldades crescentes na captação de alunos para esta formação podem conduzir, no curto prazo, à interrupção destes ciclos de estudo no país.

Preocupada com a hipótese de descontinuidade desta oferta educativa no sistema de ensino superior português, a SUPERA - Sociedade Portuguesa de Engenharia de Reabilitação e Acessibilidade está a organizar e convida-o a participar no Debate: "O futuro da formação em Engenharia de Reabilitação em Portugal"

Este debate tem como objetivo refletir sobre os progressos, ameaças e oportunidades da formação de Engenheiros de Reabilitação em Portugal, bem como o papel que organismos públicos (como o INR, Ministérios e Autarquias) e entidades privadas (como a SUPERA e empresas) podem desempenhar no desenvolvimento e visibilidade da profissão. As conclusões do debate serão trabalhadas posteriormente no seio da SUPERA de forma a delinear um plano de desenvolvimento da formação e da profissão.

Esta iniciativa terá lugar no Auditório das instalações do Instituto Nacional para a Reabilitação (INR), em Lisboa, no dia 7 de Janeiro de 2015.

Programa do debate:

  • 14h30 - Sessão de Abertura
    • Dr. José Serôdio (Presidente do INR)
    • Eng.º David Fonseca (Presidente da SUPERA)
  • 14h45 - Painel 1: O futuro da formação em Engenharia de Reabilitação em Portugal
    • Moderação: Dr.ª Fátima Alves (Diretora de Serviços do INR)
    • Eng.º Francisco Godinho (SUPERA)
    • Eng.ª Paula Teles (Mobilidade PT)
    • Eng.ª Rita Albuquerque (Presidente do NAERA, UTAD)
    • Dr.ª Cristina Duarte (Hospital Garcia de Orta)
    • Dr. Aquilino Rodrigues (Eletrosertec)
  • 16h15 – Intervalo
  • 16h30 - Workshop com os participantes: recomendações
  • 17h - Relatório oral das recomendações
  • 17h15 - Sessão de Encerramento
    • Eng.º Francisco Godinho (SUPERA)

Informações úteis:

  • Data: 7 de janeiro de 2015
  • Horário: das 14h30 às 17h30
  • Local: Auditório das instalações do Instituto Nacional para a Reabilitação, I.P.(Avenida Conde de Valbom, 63 - 1069-178 Lisboa)
  • Inscrições por formulário: Clique neste link para aceder ao formulário

Cordiais cumprimentos,

Márcio Martins

Membro da Direção da SUPERA

 

Criação de Grupos de Interesse e Profissionais

Segunda, 29 Dezembro 2014 18:26

Caros consócios,

A Direção da SUPERA - Sociedade Portuguesa de Engenharia de Reabilitação e Acessibilidade, agora que entrou numa fase de estabilidade mais robusta graças ao aumento do número de sócios e da dinâmica da mesma, propõe a Criação de Grupos de Interesse e Grupos Profissionais. Estes grupos irão ser dinamizados por um Coordenador e Vice-coordenador específicos para cada um.

A proposta inclui os seguintes Grupos (com as missões descritas entre outras que poderão surgir):

Grupos Profissionais

  • ·         GER – Grupo Português de Engenharia de Reabilitação

·         Este grupo surge pela necessidade de apoio ao desenvolvimento da profissão e manutenção de (pelo menos) um curso superior em Portugal.

·         Deverá ter também um papel dinamizador das conclusões que saírem do Debate: “O futuro da formação em Engenharia de Reabilitação em Portugal” do dia 7 de janeiro de 2015.

  • ·         GID – Grupo de Investigadores e Docentes

·         Este grupo tem como objetivo agrupar docentes do ensino superior e não superior e investigadores que trabalham no domínio da Engenharia de Reabilitação, Tecnologias de Apoio e Acessibilidade, dando visibilidade ao que se faz nos Estabelecimentos de Ensino, Unidades de Investigação e na articulação dos mesmos.

·         Deverá também organizar conferências de natureza científica.

  • ·         GPS – Grupo dos Profissionais de Saúde

·         Este grupo englobará médicos e terapeutas e inicialmente angariará profissionais de ortoprotesia e a colaborará com outros grupos profissionais da área da saúde.

  • ·         GPE – Grupo de Profissionais de Empresas de Tecnologias de Apoio e Acessibilidade

·         Este grupo agrupará profissionais que atuam no setor privado, permitirá perceber como está a funcionar o mercado e o SAPA. Deverá trabalhar em aspetos que permitam melhorar a divulgação dos seus produtos e das suas próprias empresas em bases de dados nacionais e internacionais.

Grupos de Interesse

  • ·         GUIA – Grupo Português pelas Iniciativas em Acessibilidade

·         Este grupo de interesse ficará responsável pela lista da acessibilidade e por promover iniciativas neste domínio: eventos técnicos e de sensibilização, conteúdos, iniciativas legislativas, projetos de inclusão, etc., etc.

  • ·         GISTA – Grupo de Interesse em Serviços de Tecnologias de Apoio

·         Este Grupo estudará e irá desenvolver ações relacionadas com o SAPA, Bancos de Empréstimo e outros serviços (por exemplos serviços de TA em instituições). Deverá acompanhar de perto a ação do INR, Ministérios, Autarquias e entidades privadas, tendo como objetivo promover mais qualidade e inovação nos Serviços de Tecnologias de Apoio.

A Direção da SUPERA solicita que todos os sócios preencham o Formulário - Criação de Grupos, até o dia 15 de janeiro de 2015, para que possam assinalar os Grupos com que concordam e os que gostariam de estar afetos, assim como darem sugestões.

Cordiais cumprimentos,

Márcio Martins

Membro da Direção da SUPERA